Pormenor da Biblioteca Luísa Dacosta, fresco de Martins da Costa, Séc. XX

Área de leitura informal

Pequeno auditório

Área de informática e multimédia

Fundo documental

Obra de arquitetura do mês' junho 19


Faculdade de Arquitetura, Porto, 2001.
Álvaro Joaquim Melo Siza Viera, internacionalmente conhecido por Siza Vieira (25 de junho de 1933), é o arquiteto português mais premiado internacionalmente.

O conjunto de edifícios que constituem a Faculdade, situados no polo do Campo Alegre, foi projetado pelo arquitecto Álvaro Siza Vieira com Adalberto Dias.
Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (FAUP) é uma unidade orgânica da Universidade do Porto vocacionada para o ensino da Arquitetura.
É correntemente referida, no âmbito da arquitectura, como a "Escola do Porto".
A Escola do Porto exerce grande importância no cenário arquitetônico mundial, sempre figurando entre as melhores em rankings e tendo arquitetos como Eduardo Souto de Moura (Pritzker 2011), Fernando Távora e o próprio Álvaro Siza Vieira (Pritzker 1992), como grandes precursores .
O programa original da escola incluía instalações de salas de aulas para 500 estudantes, um auditório, administração, uma sala de exposições e uma biblioteca. O arquiteto decidiu fragmentar esse programa em edificações separadas. Na parte sul, com vistas para o Rio Douro, foram implantados os programas de salas de aula e ateliês. Uma característica marcante da obra de Siza, que é de enquadrar magistralmente as vistas que deseja que o observador aprecie, é bastante marcante nesse projeto e, sobretudo, nos volumes de salas de aula. Esses volumes, cuja atividade de projeto carecem de inspiração, tem uma relação fortecom o entorno natural da cidade do Porto. São justamente essas aberturas, em conjunto com as proteções solares, que Siza cria uma diferenciação e um movimento entre os volumes.


Obra de arquitetura do mês' maio 19


Coliseu do Porto, Porto, 1941
Arquitetos: Cassiano Branco e Júlio de Brito Cassiano Viriato Branco
Cassiano Branco e Júlio de Brito Cassiano Viriato Branco (Lisboa, 13 de Agosto de 1897 — Lisboa, 24 de Abril de 1970) – arquitetos portugueses. Cassiano Branco é um dos mais importantes arquitetos da primeira metade do Século XX em Portugal. Pertence ao grupo notável – que inclui Pardal Monteiro, Cottinelli Telmo, Carlos Ramos, Cristino da Silva ou Jorge Segurado – que protagonizou a viragem modernista da arquitetura portuguesa.
A influência da Art Déco e do modernismo europeu torna-se determinante a partir do início da década de 1930. Cassiano Branco empenha-se em projetos visionários, formalmente avançados para a época.
O Coliseu do Porto, Grande Casa de Espetáculos da cidade, projeto dos arquitetos Cassiano Branco e Júlio de Brito, foi inaugurado a 19 de Dezembro de 1941.
Os primeiros esboços encontrados, que sugeriam a construção de uma grande Casa de Espetáculos, datam do ano de 1911. Mais tarde outros arquitetos fariam alguns estudos, mas em 1939, Cassiano Branco assume o cargo de arquiteto dirigente. O Coliseu do Porto acaba por ser finalizado em 1941, num estilo moderno que de imediato se tornou uma referência arquitetónica. Um edifício vanguardista que veio marcar de forma indelével a baixa do Porto e o coração de todos os portuenses.
No ano de 1995 o edifício correu o risco de fechar e de ser comprado para um fim completamente diferente, no entanto várias personalidades do Porto, incluindo Pedro Abrunhosa, começam um movimento no sentido de preservar este emblemático equipamento da cidade.
Em 1996 o Coliseu voltou a abrir as portas, sendo atualmente uma grande sala de visitas do Porto, acolhendo vários tipos de espetáculo, incluindo o Circo. De certeza que é um espaço que, mais tarde ou mais cedo será visitado pelos portuenses.



Semana da Leitura 2019 - Workshop Cristina Valadas


No dia 4 de abril de 2019, quinta-feira – Dia do Livro Ilustrado, no programa de atividades da Semana da Leitura, a nossa Biblioteca teve o privilégio de receber a ilustradora e artista plástica, Cristina Valadas.
O 6ºA foi surpreendido pela artista que lançou vários desafios aos alunos. Antes de avançar com os materiais de ilustração, Cristina Valadas arrebatou os alunos com a criação de uma teia da amizade, gerando desde logo um clima especial para as restantes tarefas relacionadas com a Arte.
Foi então que se passou à ilustração do melhor amigo, sendo que os resultados foram efetivamente de verdadeiros «artistas».
Um momento muito agradável, com Arte e Amizade de mãos dadas, na verdadeira aceção do termo!

Concurso do Sono


No dia 22 de abril, pelas 10.15m teve lugar na Biblioteca Luísa Dacosta a entrega de prémios aos alunos vencedores do Concurso do Sono.
Na modalidade de banda desenhada, a vencedora foi a aluna Helena de Sousa Andrade, 5º ano.
Na modalidade de texto narrativo, a aluna Luísa Sarsfield, 8ºano.
Tendo em conta o tema do concurso, as premiadas receberam uma linda almofada e um macio porta-chaves.

Semana da Leitura 2019 - Sessão "O Audiovro"


No dia 3 de abril, as turmas 5I e 5H assistiram a uma palestra sobre «O audiolivro». Os alunos estiveram muito atentos e aderiram prontamente ao desafio: ouvir o conto «O Príncipe preguiçoso», da Biblioteca Digital, em formato audiolivro. Foram distribuídos auscultadores aos alunos que, com o seu telemóvel, tiveram a oportunidade de aceder ao referido audiolivro.
Foi muito interessante verificar a pronta adesão dos mesmos e o entusiasmo revelado com esta diferente abordagem do livro.