Pormenor da Biblioteca Luísa Dacosta, fresco de Martins da Costa, Séc. XX

Área de leitura informal

Pequeno auditório

Área de informática e multimédia

Fundo documental

Obra de arquitetura do mês' maio 19


Coliseu do Porto, Porto, 1941
Arquitetos: Cassiano Branco e Júlio de Brito Cassiano Viriato Branco
Cassiano Branco e Júlio de Brito Cassiano Viriato Branco (Lisboa, 13 de Agosto de 1897 — Lisboa, 24 de Abril de 1970) – arquitetos portugueses. Cassiano Branco é um dos mais importantes arquitetos da primeira metade do Século XX em Portugal. Pertence ao grupo notável – que inclui Pardal Monteiro, Cottinelli Telmo, Carlos Ramos, Cristino da Silva ou Jorge Segurado – que protagonizou a viragem modernista da arquitetura portuguesa.
A influência da Art Déco e do modernismo europeu torna-se determinante a partir do início da década de 1930. Cassiano Branco empenha-se em projetos visionários, formalmente avançados para a época.
O Coliseu do Porto, Grande Casa de Espetáculos da cidade, projeto dos arquitetos Cassiano Branco e Júlio de Brito, foi inaugurado a 19 de Dezembro de 1941.
Os primeiros esboços encontrados, que sugeriam a construção de uma grande Casa de Espetáculos, datam do ano de 1911. Mais tarde outros arquitetos fariam alguns estudos, mas em 1939, Cassiano Branco assume o cargo de arquiteto dirigente. O Coliseu do Porto acaba por ser finalizado em 1941, num estilo moderno que de imediato se tornou uma referência arquitetónica. Um edifício vanguardista que veio marcar de forma indelével a baixa do Porto e o coração de todos os portuenses.
No ano de 1995 o edifício correu o risco de fechar e de ser comprado para um fim completamente diferente, no entanto várias personalidades do Porto, incluindo Pedro Abrunhosa, começam um movimento no sentido de preservar este emblemático equipamento da cidade.
Em 1996 o Coliseu voltou a abrir as portas, sendo atualmente uma grande sala de visitas do Porto, acolhendo vários tipos de espetáculo, incluindo o Circo. De certeza que é um espaço que, mais tarde ou mais cedo será visitado pelos portuenses.